Ir para conteúdo 1 Ir para menu 2 Ir para busca 3 Ir para rodapé 4 Acessibilidade 5 Alto contraste 6

---

  • ?
  • ?

---

  • ?
  • ?


Coral Italiano encanta hervalenses

Publicado em 30/03/2009 às 00:00 - Atualizado em 09/03/2015 às 16:28

Cantos, conversas gestuais e muita alegria. Foi dessa maneira descontraída e tipicamente italiana que o Coro Cadore - da província de Belluno - Itália - foi recepcionado pelos hervalenses durante as duas apresentações que realizaram no município.

A primeira apresentação do coral formado por 30 homens e que foi fundado em 1954 aconteceu na segunda-feira, dia 23, em Sede Belém e emocionou a comunidade local. José Gemelli, 78 anos, nasceu e se criou por ali - bem próximo ao ginásio de esportes - onde foi realizado o espetáculo. Para ele, a oportunidade de assistir um evento como aquele o deixou não só feliz, mas também orgulhoso porque "foi algo diferente, inovador e que privilegiava uma classe muitas vezes esquecida. Estou agradecido e muito alegre. Essa apresentação aqui - um coral da Itália - lá da terra das nossas famílias é algo que nos deixa sem palavras", afirmou.

Já na noite de terça-feira, dia 24, a apresentação foi no pavilhão Senhor Bom Jesus - na área central do município. Aproximadamente 600 pessoas prestigiaram o coral regido pelo maestro Benedetto Fiori. Entre as canções Cadorina, Trittico Montanaro, Ave Maria e Belle Rose du Printemps. O coro - que já gravou três CDS - 1977, 1985, e um recentemente lançado - foi aplaudido em pé e a famosa expressão "bravo" foi a mais ouvida além da solicitação de "mais um" número.

Enquanto estiveram na cidade os cantores visitaram pontos turísticos da região como o Monumento Frei Bruno e o Teatro Alfredo Sigwalt em Joaçaba e o Seminário São João Batista de Luzerna. Foram recepcionados de forma calorosa pelo músico Fernando Spessatto (Nando) e pela mama Teresinha Spessato - integrantes da Associazione Bellunese di Herval d´Oeste - entidade que propiciou o contato com o grupo.

Entre as curiosidades o espanto em ter um contato tão próximo com autoridades da Igreja Católica como, por exemplo, o bispo Don Walmir Alberto Valle e o Padre Davi Lenor Ribeiro dos Santos. Com o padre Davi - ao violão - cantaram belas músicas do folclore italiano e conheceram um pouco do repertório gaúcho. Outra grande emoção sentiram ao visitar a escola de samba Aliança - atual campeã do carnaval de Joaçaba e Herval d´Oeste. No barracão da verde e branco vestiram algumas fantasias e ouviram um pouco do famoso "samba" - tocado pelos ritimistas da agremiação. Já no teatro Alfredo Sigwalt - ficaram encantados com a bela estrutura - e também com as canções tocadas ao piano pelo músico Nando Spessatto.

Para o barítono Giuseppe Calafiore o povo brasileiro é muito acolhedor - bem diferente, por exemplo, de outros povos como ucranianos, suíços e belgas. Segundo ele, o povo brasileiro possui uma alegria espontânea como dos italianos. Calafiore gostou tanto do Brasil que pretende retornar em 2010 - agora para exercer aqui a profissão que abraçou na Itália - professor de francês, espanhol e italiano.

Durante os dois dias que estiveram em Herval d´Oeste - o Coro Cadore - recebeu inúmeras homenagens tanto de entidades como Associazione Bellunese, Coliarte e Rotary Clube como da administração municipal. "Ficamos muito felizes em poder propiciar algo dessa virtude para a nossa comunidade. Vamos, com certeza, efetivar novos eventos como esse para que possamos oferecer sempre o melhor para os nossos munícipes", ressaltou o prefeito Nelson Guindani.

O Coro Cadore que já tinha se apresentado em Foz do Iguaçu (PR) - seguiu viagem na quarta-feira, dia 25, onde realizaria apresentações em Lages e, posteriormente, Criciúma e Florianópolis.


Galeria de Imagens

  • {{galeriaImagens.length + galeriaVideos.length - 12}}
  • {{galeriaMultimidia.length + galeriaImagens.length + galeriaVideos.length - 12}}
Fechar

Galeria de Arquivos